Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



SantaCasaAlfama_1920x1080.jpg

Festival de Fado Santa Casa Alfama vai acontecer em finais de setembro no bairro lisboeta que lhe dá nome, com 12 palcos e mais de 40 concertos, sucedendo ao Caixa Alfama.

O Santa Casa Alfama realiza-se nos dias 28 e 29 de setembro e conta, entre as novidades, com um palco no recém-inaugurado terminal de cruzeiros de Santa Apolónia e com a adesão de dez restaurantes que apresentarão uma ementa especial, segundo a organização.

A Santa Casa da Misericórdia de Lisboa (SCML), que tinha já apoiado os anteriores certames, decidiu fazê-lo de uma “forma mais intensa”, associando o seu nome ao festival, pelo facto de este “estar cada vez mais impregnado na vida da cidade e pela revelação de novos talentos”, justificou o seu provedor, Edmundo Martinho, em declarações à agência Lusa, cita o Sapo24.

“Desta forma, a Santa Casa está também a cumprir a sua missão”, sublinhou o responsável, adiantando que o investimento feito pela SCML é de cerca de 200.000 euros.

Edmundo Martinho disse que “esta é uma das boas causas da Santa Casa”, cuja presença no festival, além de um palco próprio, frente ao estuário do rio Tejo, se faz sentir através da disponibilização de espaços para pessoas com mobilidade reduzida.

"Temos desde há muitos anos esta missão, que é de dar relevo a novos artistas, dar expressão aos talentos que vão emergindo, em todos os aspetos, e particularmente na música, e ainda mais no fado", disse o provedor da SCML.

O festival, exclusivamente no bairro lisboeta de Alfama, desenha-se, geograficamente, entre a Igreja de Santo Estêvão, a leste, o Centro Cultural Dr. Magalhães de Lima, a norte, a Igreja de S. Miguel, a oeste, e o terminal marítimo, a sul, e conta com a participação de Dulce Pontes, Raquel Tavares, Alexandra, Cristina Maria, e “a jovem revelação Maria Emília”, entre outros.

Entre as primeiras confirmações estão Alexandra, António Pinto Basto, Maura, Dulce Pontes, Paulo de Carvalho, Raquel Tavares e Maria Emília, no palco principal, o Santa Casa, frente ao estuário do rio Tejo.

No Museu do Fado, a festejar 20 anos de existência, estão instalados dois palcos, no espaço do restaurante, onde atuam Cristina Maria, João Chora, Teresa Tapadas e Carlos Leitão, e o instalado no largo do Chafariz de Dentro, fronteiro ao museu, onde vão tocar Ângelo Freire, Marta Pereira da Costa, Pedro Jóia e a Família Parreira, os guitarristas António, pai, que tem acompanhado nomes como Amália Rodrigues, Rodrigo, Manuel de Almeida Julieta Estrela, entre outros, e os filhos Paulo, que entre outros tem acompanhado Maria da Fé, Duarte, Katia Guerreiro, Aldina Duarte e Camané, e Ricardo, que tem acompanhado, entre outros Helder Moutinho, Mafalda Arnauth, Ana Maria, e que tem desenvolvido uma carreira como solista.

Outros palcos, com cartaz a anunciar, são o do terraço do terminal marítimo, o Amália, nas instalações da firma de advogados Abreu, o Ermelinda de Freitas, no largo das Alcaçarias, e ainda no Grupo Sportivo Adicense, nas igrejas de S. Miguel e S. Estêvão, na Sociedade Boa União, no beco das Cruzes, no Centro Cultural Dr. Magalhães de Lima, na rua do Salvador, e no largo de S. Miguel, com a iniciativa “Fado à Janela”.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

JEduardoMartins.jpg

O pianista brasileiro José Eduardo Martins, o cantor Henrique Janeiro e um ‘quiz’ musical dedicado ao Festival da Eurovisão constituem o cartaz da Noite dos Museus, no Museu Nacional da Música, em Lisboa, no próximo dia 19.

O Museu Nacional da Música, na estação de metropolitano do Alto dos Moinhos, em Lisboa, vai estar de portas abertas no dia 19 partir das 18:00 até depois das 24:00.

Um recital de piano de homenagem a Claude Debussy (1862-1918), por José Eduardo Martins, às 18:00, abre a programação, assinalando o centenário da morte do compositor, antecedido por uma introdução pelo pianista, contextualizando a obra do compositor francês, autor da ópera “Pelléas et Mélisande”.

José Eduardo Martins nasceu em 1938 na cidade de São Paulo, no Brasil, onde estudou com o professor russo José Kliass, tendo seguido para Paris, onde trabalhou com Marguerite Long e Jean Doyen.

O pianista já realizou as integrais de piano de Debussy, Jean-Philippe Rameau, Modest Moussorgsky e Francisco de Lacerda.

José Eduardo Martins é ‘doutor honoris causa’ pela Universidade Constantin Brancusi, da Roménia, e membro honorário da Academia Brasileira de Música. Em 2004 foi condecorado pelo Governo brasileiro com a Ordem do Rio Branco, e em 2011, com a comenda da Ordem da Coroa, pelo Rei dos belgas, Alberto II.

Às 21:30, o Museu da Música recebe Henrique Janeiro, músico escolhido por Salvador Sobral para concorrer este ano ao Festival da Canção, onde apresentou a canção “Sem Título”, que se classificou em 4.º lugar na final.

Henrique Janeiro nasceu há 23 anos em Coimbra e estudou Musicologia na Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa. O músico gravou com Salvador Sobral o tema “Tereza e Tomás”, que faz parte do alinhamento do EP que Janeiro editou em 2015, e, atualmente, prepara o seu álbum de estreia, que sairá ainda este ano.

A Noite dos Museus termina no Alto dos Moinhos com um “Quiz Musical - Especial Festival Eurovisão”. “No ano em que se realiza pela primeira vez em Portugal o Festival da Eurovisão, o Museu Nacional da Música propõe um convívio de amigos, testando os conhecimentos musicais, sobre o festival que existe desde 1956”, e no qual Portugal participa desde 1964, com apenas quatro ausências, nas edições de 1970, 2000, 2002 e 2013.

 Foto: DR

 

Autoria e outros dados (tags, etc)



Bem-vindo


Parcerias


Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D

Visitas

Flag Counter