Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




19404914_PDPh0.jpg

Uma joia, com esmeraldas e diamantes, que pertenceu a S.M. a Rainha D. Amélia, mulher do Rei D. Carlos, vai hoje a leilão na Sotheby’s em Hong Kong.

O broche, desenhado em finais do século XIX, com diamantes-rosa, esmeraldas, ouro e prata, tem um valor de licitação entre cerca de um milhão e 1,3 milhões de euros, e é uma das “estrelas” do leilão.
“A grandeza deste broche reside não só na sua proveniência, mas também nas três atrativas esmeraldas colombianas, que são naturais e sem tratamento de clareza, em que a pedra central pesa uns impressionantes 12,22 quilates”, lê-se no catálogo da leiloeira.
As esmeraldas, realça a leiloeira, são “de elevado grau de clareza, raramente encontrado hoje”.
“Um broche nobre com estas pedras preciosas importantes” que, segundo a Sotheby’s, “atrai tanto aficionados e colecionadores de joias, como conhecedores de gemas”.
A joia foi oferecida a D. Amélia, pelo seu padrinho, Luís, duque de Aumale, filho do último Rei de França, Luís Filipe, a quando do seu casamento com o monarca português, em 1889.
O broche não se encontrava em mãos portuguesas há décadas, a sua última proprietária foi Gabriele Murdock, que a vendeu à leiloeira Sotheby’s, em Nova Iorque, em dezembro de 1999, e anteriormente tinha pertencido a uma princesa da Casa Real da Jugoslávia, que a tinha vendido também à leiloeira nova-iorquina em dezembro de 1981.
D. Amélia, mãe do último Rei de Portugal, D. Manuel II, partiu para o exílio em Inglaterra em 1910, aquando da proclamação da República. Viveu em Inglaterra e mais tarde em França, no seu palácio, em Le Chesnay, a cerca de 17 quilómetros de Paris, onde morreu em outubro de 1951. Em 1945 efetuou uma visita a Portugal.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

"Fado a dois” em Tomar

por FMSimoes, em 05.04.16

12891166_1186956467983974_4315958003254696703_o.jp

Os fadistas Liliana Martins e Luís Filipe Fortunato atuam no sábado, às 21:30, no Cine-Paraíso, em Tomar, acompanhados pelos músicos António Cardoso, na guitarra portuguesa, João Silva, na viola, e Diogo Dias, no contrabaixo.

O fadista Luís Filipe Fortunato é natural de Tomar, e tem participado em vários concursos de talentos musicais na televisão. Já com 15 anos de carreira, estreou-se discograficamente com o álbum “A força do meu ser & Amo-te de verdade”.

Desde janeiro último, que Liliana Martins tem vindo a apresentar o CD de estreia “Corpo fado”, editado no ano passado, em vários palcos, entre os quais do Festival IN, do 5.º Faz Música Lisboa e dos Recreios da Venda Seca, na Carregueira.

“Corpo fado” é produzido por Valter Rolo, que assume a composição de quase todos os sete temas originais, exceto de "Cai a noite", composto por Manuel Graça Pereira, enquanto as letras são assinadas por Tiago Torres da Silva, Cátia Oliveira e Paulo Espírito Santo.

Autoria e outros dados (tags, etc)


Pág. 12/12



Bem-vindo


Parcerias


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D

Visitas

Flag Counter